5 Funções do Mapa de Georreferenciamento de uma Propriedade

Ainda hoje muitos produtores acreditam que o levantamento georreferenciado dos limites da propriedade só serve para atender a legislação. Eles não estão totalmente errados, uma vez que possuir uma base cartográfica detalhada e atualizada evita alguns problemas com a legislação – na maioria das vezes – municipal.

Porém, é possível utilizar estas informações para – no mínimo – cinco objetivos básicos.

1° Histórico.
Conhecer, através do comparativo de dados anteriores com os atuais, o que já foi produzido na área.

2° Levantamento Altimétrico.
Pela riqueza de informações é possível medir as diferenças de nível de uma área, quais suas irregularidades de relevo, por exemplo.

3° Aptidão Agrícola.
Possibilidade de mapear a aptidão agrícola de cada área da propriedade, limitações que podem afetar o uso da terra.

4° Monitoramento das Culturas.
Acompanhamento de forma contínua das culturas de sua propriedade.

5° Readequação Ambiental.
Com informações cartográficas ricas em detalhes, você pode planejar a readequação ambiental uma ou mais áreas da propriedade.

Não há dúvidas: o georreferenciamento é muito mais útil do que apenas um atendimento à legislação vigente. Quer saber mais? Entre em contato. Quando o assunto é Geoprocessamento a GFX Projetos investe para garantir sempre os melhores resultados.

+
Orçamento Rápido